Whatsapp
(54) 99600.4466
Telefone
(54) 3312.4466
Atendimento
Seg. à Sex. 08:30-12:00 | 13:30-18:00 Sáb. 08:30-12:00
Localização
Rua XV de Novembro, 200 Sala 4 Centro | Passo Fundo/RS

Saúde Bucal para Diabéticos é fundamental

Pacientes diabéticos são mais propensos a ter doença periodontal. A doença de gengiva pode também dificultar, para os diabéticos, o controle dos níveis de açúcar no sangue. Assim, a inflamação da gengiva dificulta a absorção de insulina, podendo causar uma descompensação glicêmica nos portadores de diabetes.

A inflamação da gengiva é desencadeada por bactérias gram-negativas, que geram uma resposta inflamatória e isso faz com que a periodontite seja considerada a sexta complicação clássica do diabetes.

O tratamento deve concentrar-se na prevenção de doenças periodontais e inflamações, cujo controle é essencial no caso das complicações associadas com o diabetes já que todas essas consequências são agravadas pelo maior tempo que o corpo leva para terminar a cicatrização. E, como sabemos que a ameaça bacteriana é um fator de risco na gengivite, mesmo entre diabéticos saudáveis com bom controle da doença, os pacientes devem ser incentivados a usar fio de dental regularmente e escovar os dentes com um creme dental com flúor que oferece proteção antibacteriana.

Cuidados essenciais do diabético para a saúde bucal:

– Controle glicêmico;

– Realize uma escovação perfeita: use fio dental, escove bem toda a superfície dos dentes, se possível, use o enxaguante bucal, de preferência, que contenham flúor;
– Cuidar bem dos dentes e gengiva: examinar com frequência se há feridas, sangramentos, dor;

– Visita periódica ao dentista, pelo menos a cada 6 meses;

– Não se submeter a qualquer tratamento dentário se estiver com a glicemia descompensada, além de consultar sempre que possível seu médico endocrinologista caso vá fazer algum tratamento mais invasivo.

Procure um dentista urgente em caso de:

– Sangramento gengival durante a escovação;

– Gengivas avermelhadas, flácidas ou sensíveis;

– Gengivas se afastando dos dentes;

– Mau hálito persistente;

– Pus entre os dentes e gengiva;

– Separação ou perda de algum dente;

– Mudança na forma de os dentes ocluírem quando você morde;

– Mudança na adaptação de próteses parciais.

Portanto, se cuidar é o melhor tratamento. Se tiver algum sintoma citado a cima entre em contato.

 

Estamos te esperando!
Agende uma Consulta: (54) 3312-4466